Morre Orlando Brito, fotógrafo que registrou a história do Brasil

Aos 72 dois anos, Brito lutava contra graves problemas de saúde. Deixa uma filha, Carolina, e dois netos, Theo e Thomas


Por Robson Bonin / Veja - Atualizado em 11 mar 2022, 14h32 - Publicado em 11 mar 2022, 09h22

 

Morreu nesta sexta, em Brasília, o premiado fotógrafo Orlando Brito. Aos 72 dois anos, Brito lutava contra graves problemas de saúde. Deixa uma filha, Carolina, e dois netos, Theo e Thomas.


Orlando Péricles Brito de Oliveira nasceu em 1950, em Janaúba, Minas Gerais. Começou a carreira em 1964, aos 14 anos, como laboratorista no jornal “Última Hora”.


Depois trabalhou como repórter fotográfico e editor de fotografia. Passou pelas redações de O Globo, Jornal do Brasil e, por muitos anos, atuou em VEJA. Ao deixar a revista, criou a agência de notíciaObrito News.


Durante a carreira, Brito testemunhou diversos momentos históricos, entre os quais o fechamento do Congresso Nacional em 1977, na ditadura militar, durante o governo de Ernesto Geisel.




Link: https://veja.abril.com.br/coluna/radar/morre-orlando-brito-fotografo-que-registrou-a-historia-do-brasil/

2 visualizações0 comentário